Drops Educacional: Novembro de 2021

Notícias semanais sobre o Mercado da Educação Superior

DROPS EDUCACIONAL #103:  DE 08/11 a 12/11 DE 2021

→ Demissões no Inep

Inep: 29 funcionários entregam os cargos. 

→ Demissões no Inep

MEC diz que Enem será mantido apesar de exonerações do Inep. 

→ Ensino Híbrido

CNE elabora documento para manutenção do ensino híbrido após pandemia na educação básica e superior.

→ Saeb 2021

Iniciada a aplicação do Saeb 2021. 

→ Ensino Remoto

Pesquisa analisou papel da tecnologia no ensino durante a pandemia.

→ Fies

MEC prorroga prazo para renovação de contratos do Fies.

→ Futuro do Enem 

Enem deve ter prova geral específica a partir de 2024.

→ Prouni

Futuro do Prouni será debatido na Comissão de Educação do Senado. 

→ Enade 2021

Preenchimento do questionário do Enade vai até sexta, 13/11. 

→ Sem acesso

51% da rede pública ainda não têm acesso a computador com internet. 

 

 

DROPS EDUCACIONAL #104:  DE 15/11 a 19/11 DE 2021

→ Censup 

Iniciado período de ajuste de dados do Censo do Ensino Superior. 

→ Homeschooling

Pais deverão ter ensino superior ao adotar ‘homeschooling’ para os filhos. 

→ Reflexões da pandemia

Pesquisa mostra que estudantes negros foram os mais afetados na pandemia. 

→ Enem 2021

Pandemia, trabalho e ‘desorganização’ do Enem estão por trás das histórias de quem desistiu da prova esse ano. 

→ Votação

Ordens que obrigam faculdades a darem desconto na pandemia são derrubadas pelo STF.

→ Enem 2021

Ministro da educação nega interferência na elaboração do Enem.

→ Enade 2021

Encerrada a aplicação do Enade 2021. 

→ Exame Enade

Enade: 24,6% dos candidatos faltaram ao exame, diz Inep. 

→ Enem 2021

Primeiro do dia do Enem terá prova de redação. 

Tecnologia

O impacto da tecnologia 5G na educação.  

 

DROPS EDUCACIONAL #104:  DE 15/11 a 19/11 DE 2021

→ Censup 

Iniciado período de ajuste de dados do Censo do Ensino Superior. 

→ Homeschooling

Pais deverão ter ensino superior ao adotar ‘homeschooling’ para os filhos. 

→ Reflexões da pandemia

Pesquisa mostra que estudantes negros foram os mais afetados na pandemia. 

→ Enem 2021

Pandemia, trabalho e ‘desorganização’ do Enem estão por trás das histórias de quem desistiu da prova esse ano. 

→ Votação

Ordens que obrigam faculdades a darem desconto na pandemia são derrubadas pelo STF.

→ Enem 2021

Ministro da educação nega interferência na elaboração do Enem.

→ Enade 2021

Encerrada a aplicação do Enade 2021. 

→ Exame Enade

Enade: 24,6% dos candidatos faltaram ao exame, diz Inep.  

→ Enem 2021

Primeiro do dia do Enem terá prova de redação. 

Tecnologia

O impacto da tecnologia 5G na educação.  

Drops Educacional: Outubro de 2021

Notícias semanais sobre o Mercado da Educação Superior

▶ DROPS#99:De 04/10/2021 a 08/10/2021

AVALIAÇÃO IN LOCO

Publicado guia de boas práticas da avaliação virtual. 

Notícia: Portal MEC

CENSO ESCOLAR 2021

Começa verificação dos dados do Censo Escolar 2021. 

Notícia: Rev. Gestão Universitária

ESTUDO

Relatório aponta impacto da pandemia na saúde mental dos adolescentes.

Notícia: Agência Brasil

CENSO ESCOLAR 2021

Live sobre o Censo Escolar 2021 ocorreu nesta quinta, 07/10.

Notícia: Portal MEC

REVALIDA

Divulgada lista de aprovados da 2ª etapa do Revalida.

Notícia: Portal MEC

ENTREVISTA

Paulo de Tarso Barros: “Ensino híbrido possibilita que IES formem profissionais mais preparados”.

Notícia: Portal Semesp

DIPLOMA DIGITAL

MEC: mais de 15 mil diplomas digitais foram emitidos no país. 

Notícia: Portal R7

FIES

Congresso estuda isenção a inadimplentes. 

Notícia: Valor Econômico

ENEM 2021

Guia do participante esclarece dúvidas sobre nota do Enem.

Notícia: Portal MEC

AVALIAÇÃO DOS ESTUDANTES

MEC lança plataforma de avaliação de estudantes pós-pandemia. 

Notícia: Portal R7

Read More 

Por que dados são tão essencias?

Muito se fala hoje em dia sobre as novas tecnologias e como elas têm impactado nossa vida pessoal e profissional. Com o avanço da popularização do acesso à internet, os dados passaram a ser vistos como ativos empresariais importantes, que auxiliam as organizações a alavancar seus negócios, construindo uma vantagem competitiva no mercado.

Hoje, mais do que nunca, temos acesso a uma enorme quantidade de informações, provenientes dos mais variados meios e canais. Ter intuição é importante para a tomada de boas decisões, porém, somente ela, não é mais suficiente para garantir o sucesso de um negócio.

Tecnologia Analítica

Nesse artigo aqui falamos um pouco sobre a importância da análise de dados no contexto do ensino superior e como ela é aplicada no dia a dia junto de nossa ferramenta. Com o acirramento do mercado educacional, novos desafios são lançados todos os dias. Para que os profissionais da educação estejam preparados para esse novo contexto, é necessário estar em constante atualização e antenados(as) a respeito das novidades disponíveis no mercado.

Através da adoção de uma tecnologia analítica que facilite a leitura dos dados e o cruzamento das informações disponíveis, as IES poderão traçar estratégias muito mais ajustadas e precisas, diante do atual cenário de incertezas.

Mais do que dados, inteligência!

No livro Inteligência de Mercado, de Eduardo Maróstica (org), os autores descrevem a inteligência empresarial como a “capacidade de uma empresa de capturar, selecionar e gerenciar as informações relevantes para a gestão de um negócio”. Essa capacidade tem como seus principais objetivos:

    • Criar um processo que contemple a inovação e a criação do conhecimento;
    • Promover a redução de riscos na tomada de decisão e neutralizar as ações da concorrência;
    • Provar capacidade no direcionamento assertivo na implantação de ações estratégicas para aumentar a competitividade da organização;
    • Criar oportunidades para a prospecção e geração de novos negócios;
    • Alavancar o processo de desenvolvimento de produtos e serviços, com base em informações confiáveis, eficientes e ágeis;
    • Monitorar, analisar e prever, eficientemente, as questões relacionadas ao core business;
    • Gerar valor aos negócios.

Fonte: MARÓSTICA, E. (org). Inteligência de Mercado. São Paulo: Cengage Learning, 2014.

Como é possível perceber, é através dos dados que hoje temos acesso a diversos insights para a tomada de decisão, contribuindo para o ajuste e o surgimento de novas oportunidades em todos os setores. Além disso, é com base neles que podemos obter padrões de comportamento e identificar tendências de um determinado público, incluindo abordagens personalizadas para cada um dentro da sua jornada.

Através da coleta e análise de dados assertiva, a sua instituição pode remodelar e ofertar produtos e serviços melhores e mais específicos para o seu público, reduzindo assim as chances de evasão, e aumentando consideravelmente as possibilidades de sucesso.


Veja outros textos que você também pode gostar:

 

Drops Educacional: Setembro de 2021

Notícias semanais sobre o Mercado da Educação Superior

▶ DROPS#96: De 06/09/2021 a 10/09/2021

ENEM 2021

STF conclui julgamento sobre isenção de taxa do Enem.

Notícia: Agência Brasil

MODELO HÍBRIDO

Educação expande opções com aulas a distância e formato híbrido. 

Notícia: Folha SP

ARTIGO

Opinião: Nem tudo é híbrido. 

Notícia: Rev. Ens. Superior

PÓS-GRADUAÇÃO

Pós-graduação lato sensu impulsiona empregabilidade e salário. 

Notícia: Desafios da Educação

REVALIDA 2021

Primeira etapa do Revalida 2021 tem 86,2% de presentes.

Notícia: Portal MEC

PANDEMIA

Como a pandemia pode reduzir nº de jovens com diploma. 

Notícia: Portal G1

AVALIAÇÃO IN LOCO

Aberta capacitação para 2,8 mil avaliadores.

Notícia: Portal MEC

REVALIDA 2021

Inep divulga gabaritos do Revalida 2021. 

Notícia: Agência Brasil 

PNE

Monitoramento do PNE mostra cenários de alfabetização. 

Notícia: Portal MEC

ESTRAGEIROS

Política é o “maior obstáculo” para estudantes estrageiros. 

Notícia: Rev. Ens. Superior

Read More 

Relatórios #06: Ingressos via Enem nos últimos 10 anos

O Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM, foi instituído em 1998, e tinha o objetivo de avaliar o desempenho dos estudantes ao fim do ensino médio. Com erros e acertos o exame se modificou e amadureceu ao longo dos tempos, tornando-se um dos principais métodos de entrada dos jovens no ensino superior.

Atualmente, as notas obtidas no Enem são aceitas em grande parte das universidades, centros e institutos federais de educação, por meio do Sistema de Seleção Unificada (SiSU). Ela também é critério para participação em programas como o Universidade para Todos (ProUni) e de Financiamento Estudantil (Fies), que fornecem bolsas de estudo e financiamento sem juros ou com juros baixos em IES privadas. Além disso, os resultados obtidos através das provas ainda possibilitam o desenvolvimento de estudos e indicadores educacionais de qualidade.

Para verificar a evolução e os números dos ingressos via Enem, elaboramos um relatório com os dados da série história dos últimos 10 anos. Clique AQUI para visualizá-lo na íntegra.

Como é possível observar, houve uma evolução contínua do número de ingressos nos últimos dez anos, sendo o crescimento mais expressivo nas instituições públicas federais, de 53.716 inscritos em 2009, para 1.019.953 inscritos em 2019.

Nas IES particulares, os últimos dois anos foram os mais significativos, com 1.051.910 inscritos em 2018, e 1.222.070 inscritos em 2019, ultrapassando até mesmo os inscritos nas IES públicas.

Quando analisados de maneira isolada, os números do mercado tendem a não ter uma relevância tão significativa, porém, quando vistos em conjunto com outros dados, podem trazer inúmeros insights para o futuro da sua instituição.

Leia também:


☑ Esse artigo faz parte da série Relatórios que traz exemplos práticos de análises em nossa plataforma. Veja outras publicações semelhantes clicando aqui.